segunda-feira, 9 de outubro de 2006

Pros e CONTRAS - a educação e a ministra

Um excerto de um episódio dos Prós e Contras que deu muito que falar, comentado na primeira pessoa.

7 comentários:

DavidPN disse...

Desculpem a expressao, mas essa mulher e uma VACA msm...

SE nos querias lixar a vida, em boa parte o fez, e uma VERGONHA!

Nao da pa comentar com bom senso...

Don Martins disse...

Também não vamos ser assim. Que culpa tem a mulher de só ter sido professora do ensino primário e não conhecer outro tipo de escolas em termos de ensino (só em aprendisagem, se é que aprendeu alguma coisa)? Que culpa tem a mulher de não ter capacidade argumentativa nem capacidade de racciocinio lógico? Que culpa tem a mulher de não ter sido feita para o ministério? Que culpa tem a mulher de não saber o que faz?

Taty disse...

Sim, também não podemos ser assim, mas o facto é que a mulher é o que o David disse.

DavidPN disse...

E que culpa tenho eu de levar com ela?
Pois, n e so po lado dela, eu tb ando aki a sofrer, pk afinal descubro k eu proprio sei mais k ela. Pontus diga-se k e uma mera felicidade, mas n m da garantias d vitoria contra um sistema que e preverso...

Loca disse...

Ai rapazes e raparigas, escrevam o que quiserem, sobre os temas que escolherem mas, por favor, ESCREVAM EM PORTUGUÊS! Este é um blog de escola, é esta a mensagem que queremos dar? Que os nossos alunos não sabem escrever? Oh faxavôri....
Bêjos para todos, noutra altura comento o conteúdo.
Amanhã devo ir regar as melancias, vejo-vos lá.
:))

Loca disse...

Ora pois atão resolvi comentar outra vez, a palavra de verificação do post anterior foi: "cekspod" e é mesmo isso que eu vos estava a pedir. "Escrevam em português cekspod pedir....
:))

DavidPN disse...

Mas o sistema e portugues e diga-se de passagem e errado, porque infelizmente a comunicação e a liberdade continuam a ser obra prima da ditadura. Ou seja, convenhamos que em tudo o que podemos fazer, há sempre um corrupto que nos devora e nos deixa parados no tempo.

Olhem, eu nao quero isso...nem ninguem!